Felizes os que observam o direito e praticam a justiça em todo tempo! (SI106,3)

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Datena confessa dor de barriga ao vivo

As curtas do BLOG WILSON GOMES



1- A vereadora Alessandra Ponte, está solicitando da Prefeitura de Sobral a aquisição de um terreno localizado na rua Tubiba, para a construção de um miniestádio no bairro do Sumaré.

2- O vereador do SD, Dr. Giu Vasconcelos está solicitando da secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos, e reposição de lâmpadas da avenida Principal do loteamento Morada da Boa Vizinhança, no bairro das Nações.

3- A vereadora Socorro Brasileiro (PDT), está solicitando com urgência a recuperação da iluminação da quadra poliesportiva Marco Ferreira Portela, no distrito de Bilheira, bem como a da quadra poliesportiva Raimundo Nonato, bairro Vassouras, no distrito de Taperuaba.

Prejeito de autoria do vereador Júnior Balreira aguarda parecer da comissão



Tramita na Câmara de Vereadores de Sobral um Projeto de Lei de autoria do vereador do PMDB, Júnior Balreira que considera de utilidade pública o Centro de Evangelização Recanto da Paz (Cerpaz), que foi fundado em 2 de março de 2012. O projeto segue para as comissões e deverá em breve voltar para o plenário para ser votado. O Cerpaz, está situado no bairro Padre Palhano.


TCE evita prescrição de processo de Forquilha e fixa multa a gestores por irregularidades



Por unanimidade de votos, a Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado do Ceará, na Sessão da segunda-feira (18/9), julgou pela procedência parcial da Tomada de Contas Especial, Processo que trata de irregularidades administrativas, contábeis e em obras e serviços de engenharia no âmbito do Município de Forquilha, no período de 01/01/2012 a 31/07/2012, considerando-a irregular, com aplicação de multa aos responsáveis. O processo em questão, oriundo do extinto TCM, prescreveria no dia seguinte.
Dentre outras providências, tendo em vista as falhas identificadas, foi determinado, à atual gestão do Município de Forquilha, que envide esforços no sentido de instituir formalmente seu Controle Interno e evitar a ocorrência das irregularidades constatadas neste processo.
O referido processo foi relatado pelo conselheiro Rholden Queiroz, que presidiu a Sessão. Votaram ainda a conselheira Patrícia Saboya e o conselheiro substituto Itacir Todero. O Ministério Público Especial junto a esta Corte foi representado pelo procurador de Contas, Júlio César Saraiva.

Texto: TCE

Ainda há vagas para cursos de informárica do Sindicato Calçadista


quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Cid volta a se encontrar com Luiz Pontes para minar oposição no Ceará em 2018



O ex-governador Cid Gomes (PDT) segue buscando um canal de diálogo com o senador Tasso Jereissati (PSDB) através do presidente regional do PSDB no Ceará, o ex-senador Luiz Pontes. Cid insiste na articulação de uma grande aliança no Estado para garantir sua eleição ao Senado, em 2018, e, por consequência, o foro privilegiado. Isso caso sua prisão não seja determinada em algum dos processos em que é réu na Justiça. Quem também esteve no encontro foi o governador Camilo Santana (PT).
As conversas com Luiz Pontes começaram no 1º de julho, quando Luiz Pontes apareceu ao lado de Cid em Sobral, durante uma homenagem pelos 50 anos de vida pública do ex-senador Mauro Benevides. Na época, Tasso foi taxativo ao negar a aliança. Agora, o encontro aconteceu na casa do empresário Júlio Ventura. Cid tenta a aproximação com fortes lideranças da oposição no Ceará para minar a chapa adversária em 2018 e garantir a eleição.
O encontro aconteceu depois do presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB) negar boatos sobre a aproximação com Cid e defender uma chapa com Tasso para o Governo do Ceará, o deputado Capitão Wagner (PR) como vice, e Eunício para reeleição. Ficando ainda uma vaga para o Senado aberta na chapa.

Texto: cearanews7

Maioria do STF vota pelo envio de denúncia sobre Temer à Câmara

A maioria do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu enviar a segunda denúncia apresentada pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot sobre o presidente Michel Temer à Câmara dos Deputados, conforme determina a Constituição. O placar da votação está em 6 votos a 1 pelo envio, contrariando pedido feito pela defesa do presidente. O julgamento continua para a tomada de mais quatro votos dos ministros.
Até o momento, votaram pelo envio da denúncia o relator, ministro Edson Fachin, além de Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux e Ricardo Lewandowski.
Dias Toffoli abriu divergência e entendeu que a Corte poderia analisar sobre os fatos contra o presidente ocorreram durante o mandato.
A autorização prévia para processar o presidente da República está prevista no Artigo 86: “Admitida a acusação contra o presidente da República, por dois terços da Câmara dos Deputados, será ele submetido a julgamento perante o Supremo Tribunal Federal, nas infrações penais comuns, ou perante o Senado Federal, nos crimes de responsabilidade”.
O julgamento foi motivado por um pedido feito pela defesa de Temer. Inicialmente, o advogado Antônio Claudio Mariz, representante do presidente, pretendia suspender uma eventual denúncia em função da abertura do processo de revisão da delação do empresário Joesley Batista, dono da JBS. Na quinta-feira (14), após o ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot enviar a denúncia ao STF, Mariz entrou com outra petição e pediu que a peça seja devolvida à PGR.
Para o advogado de Temer, as acusações referem-se a um período em que o presidente não estava no cargo. De acordo com a Constituição, o presidente da República não pode ser alvo de investigação sobre fatos que aconteceram antes de assumir a chefia do governo.

(Agência Brasil)

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Vereador Sargento Ailton rebate críticas de Ivo Gomes à Polícia Civill



O vereador do PR de Sobral, Sargento Ailton se manifestou na rede social sobre o posicionamento do prefeito desta cidade em culpar a polícia por falhas na segurança da cidade. Leia:“Mais uma vez o Excelentíssimo prefeito de Sobral critica e denigre uma categoria de extrema importância para nossa sociedade, nossa polícia investigativa, Polícia Civil.
Esta indignação deveria ser direcionada a quem tem a devida competência, o Chefe do Executivo, o governador do Estado Camilo Santana. A estratégia, suporte, contratação e investimento vêm dele e de sua equipe.
Cobre dele senhor prefeito. Esqueça a ligação política e enfrente esta problemática como um legítimo chefe do executivo. Com o real intuito de resolver e não só transferir a culpa.
Este comentário só joga a opinião pública contra a Polícia Civil, de forma injusta. Pois trabalhar sem efetivo, sem equipamentos e sem que haja prioridade não dá para atender a imensa demanda da violência decorrente de uma descrença por parte do Executivo Estadual no avanço da violência.
Gostaria de ver o Prefeito vir nas redes sociais e dizer: Governador acabou minha paciência...”

Com informações, blog Dom Expedito.

DÚVIDA?

DÚVIDA?